Governador entrega licença de construção para unidade de suínos da C.Vale, em Palotina

O governador Carlos Massa Ratinho Junior formalizou a entrega nesta sexta-feira (24/06/2022), em Palotina, no Oeste do Estado, da licença de instalação da Unidade Produtora de Leitões Desmamados da cooperativa C.Vale no município.  

O processo de agroindustrialização da C.Vale, iniciado há 25 anos com a avicultura, vai se expandir com a estrutura composta por cinco galpões que serão capazes de alojar até cinco mil fêmeas que produzirão 160 mil leitões por ano. Com essa quantidade, a UPD terá capacidade para abastecer até 40 novas Unidades de Terminação de Suínos para até mil animais cada. A cooperativa está investindo R$ 75 milhões no empreendimento.

Os dejetos serão armazenados em biodigestores capazes de gerar aproximadamente 5.700 Kwh/dia de energia elétrica, segundo informado pela C.Vale. A licença autorizada pelo Instituto Água e Terra (IAT) tem como base a legislação ambiental e demais normas pertinentes, e também atende à legislação vigente da Secretaria da Agricultura e Abastecimento do Paraná. 

O presidente da C.Vale, Alfredo Lang, explica que o investimento permitirá ampliar a produção de leitões e o fornecimento de suínos ao frigorífico que a Frimesa está construindo em Assis Chateaubriand. Será o maior da América Latina.

“Os produtores recebem os leitões dessa unidade e criam eles até o abate. São mais de 25 mil associados no total da C.Vale, com cerca de 800 produtores ligados diretamente à suinocultura. O empreendimento vai gerar muita oportunidade de trabalho junto ao produtor e na unidade produtora de leitões, fortalecendo toda a economia da cidade e da região”, destacou Lang.

Os empregos gerados pela expansão da C.Vale junto a outras empresas da região de Palotina tem impacto em cerca de 35 municípios. Fato que vem ao encontro dos R$ 120 bilhões em investimentos atraídos pelo Estado desde 2019. “O Paraná bateu recorde de empregos no ano passado, 172 mil, e estamos com bons números também neste ano. Esse investimento é prova de que estamos no caminho certo”, destacou Ratinho Junior. 

“O Governo do Estado motiva o crescimento de cooperativas de pequeno, médio e grande porte. O Paraná não tem que ser mais só produtor, tem que ser o supermercado do mundo. Temos que vender nossos produtos industrializados e embalados”, acrescentou o governador.

LEIA MAIS

DESTAQUES