Algumas áreas de soja já passam por replantio em Palotina

Com a semeadura da soja concluída nos 45 mil hectares destinados à cultura em Palotina, algumas áreas passam por replantio. O motivo, segundo o engenheiro agrônomo da cooperativa C.Vale, André Borin, é a falta de chuvas.

Até o momento, menos de 1% da área foi replantada. Os outros 99% estão emergindo, porém a baixa umidade compromete a emergência das lavouras.

“Ainda é cedo para falarmos em perdas. Precisamos avaliar a vantagem de deixar as lavouras como estão ou se teremos que replantar”, diz.

Segundo Borin, o limite para o replantio da soja é no final do mês de novembro. Ele lamenta que a meteorologia não consiga ser precisa. “A previsão indica 30 milímetros, mas só chove 2 mm, 3 mm ou 5 mm”, lamenta.

Segundo o Departamento de Economia Rural (Deral), Palotina está dentro do Núcleo regional de Toledo, e ao todo esta região toda planta quase 487 mil hectares com soja. Até o momento 89% do núcleo foi semeado, mas a entidade considera que 30% estão em condições médias de qualidade e nenhuma em condição ruim.

FONTE: Canal Rural

LEIA MAIS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

DESTAQUES