IBGE suspende provas para selecionar trabalhadores do Censo

O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) anunciou nesta terça-feira (6) que suspendeu as provas para seleção de profissionais para atuar na coleta de dados para o Censo Demográfico.

A decisão é motivada pelo corte de R$ 1,7 bilhão na verba total destinada para a realização da pesquisa no Orçamento de 2021 aprovado pelo Congresso Nacional. Segundo o IBGE, o valor corresponde a cerca de 96% do custo estimado para o estudo.

O órgão afirma que vai avaliar com o Cebraspe, entidade responsável pela aplicação dos exames, um novo planejamento para aplicação das provas, a depender de um posicionamento do Ministério da Economia.

O processo seletivo para atuar na elaboração do Censo Demográfico de 2021 iria escolher 204.307 profissionais. A maior parte das vagas abertas (181.898) são destinadas para o cargo de recenseador e as demais seriam divididas entre Agente Censitário Municipal e Agente Censitário Supervisor.

O número de vagas disponíveis era 2,15% inferior em relação ao processo aberto no ano passado para a realização do mesmo estudo, que acabou adiado para 2021 devido ao avanço da pandemia do novo coronavírus.

LEIA MAIS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

DESTAQUES