Secretaria de Assistência Social comenta sobre a importância da mulher na atualidade

Dia 8 de março comemora-se o Dia Internacional da Mulher. A data, de acordo com o que a história conta, surgiu com o incêndio de uma indústria têxtil em Nova York, em 1911, quando cerca de 130 operárias morreram carbonizadas. Sem dúvida, o incidente ocorrido em 25 de março daquele ano marcou a trajetória das lutas feministas ao longo do século 20, mas os eventos que levaram à criação da data são bem anteriores a este acontecimento.

Com a Primeira Guerra Mundial (1914-1918) eclodiram ainda mais protestos em todo o mundo. Mas foi em 8 de março de 1917 (23 de fevereiro no calendário Juliano, adotado pela Rússia até então), quando aproximadamente 90 mil operárias manifestaram-se contra o Czar Nicolau II, as más condições de trabalho, a fome e a participação russa na guerra – em um protesto conhecido como “Pão e Paz” – que a data se consagrou, embora tenha sido oficializada como Dia Internacional da Mulher, apenas em 1921.

Cem anos depois, ainda vemos muitas dificuldades envolvendo a figura da mulher. O ano de 2020 é um exemplo recente e bastante claro disso, se tomarmos por base o que ainda hoje passamos com a pandemia de Covid-19, que inclusive, está numa situação ainda mais alarmante. Com isso, temos mulheres que enquanto mães, profissionais e esposas precisam se desdobrar para dar conta de tudo que compete a elas, muitas vezes tendo de realizar atividades sem apoio e auxílio de nada e nem ninguém.

Porém, o município de Palotina tenta realizar um trabalho que vai na contramão de acolhimento a esta e tantas outras realidades, que inclusive não envolvem apenas as mulheres, mas também crianças e adolescentes, por exemplo. “Por isso os serviços que oferecemos através da Secretaria de Assistência Social são essenciais e precisamos de uma nova visão para a retomada de ações que já estão paradas desde o ano passado por causa da pandemia”, diz a secretária da pasta, Miriam Giacometti que tem na chefia de gabinete a assistente social Jéssica Garcia da Silva Carvalho, que ao tomar conhecimento de como está a situação atual, começam a determinar ações e projetos dentro da secretaria que é basicamente composta por mulheres nas mais diversas atividades.

Confira reportagem completa na edição impressa do Jornal Folha de Palotina de 5 de março de 2021.

LEIA MAIS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

DESTAQUES