Mais de 90% das famílias estão endividadas no Paraná, aponta estudo

A pandemia afetou, para além do sistema de saúde, a vida financeira de famílias que sentiram, no bolso, os efeitos da Covid-19. No Paraná, por exemplo, um estudo apontou que 90,5% das famílias estavam endividadas em março deste ano, no estado. O índice é o pior registrado para o mês desde o começo da série histórica, iniciada em 2010.

O indicador aponta um aumento na comparação com o mês anterior, quando o índice era de 89,2% das famílias endividadas. Os dados são da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) em parceria com a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná (Fecomércio PR). De acordo com o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), uma pessoa endividada é aquela que tem qualquer parcela em aberto de compras ou empréstimos.

LEIA MAIS

DESTAQUES